A ENGENHARIA ELÉTRICA SEGUE CONTRA A CRISE

Comentei no artigo anterior sobre as instalações elétricas , sobre manutenção e os cuidados que devemos ter com relação ás ligações elétricas principalmente em instalações antigas e  em edificios onde o controle se torna mais dificil.

Tivemos casos recentes de incendio por questões do mal uso das redes elétricas e falta de manutenção das mesmas , o uso de emendas de fiação mal feita , conexões ( o uso do famoso benjamim) a sobrecarga de equipamentos ligados á uma mesma rede , podem provocar consequencias desastrosas .

Portanto observar alguns pontos é sempre importante , veja sempre se não existem fios desencapados que possam provocar um curto circuito, perceba se existe cheiro de queimado, o aumento constante na conta de energia também pode ser um sinal de que existe alguma corrente de fuga em seus aparelhos por questões de fiação inadequada, quando os eletrodomésticos começam a queimar sem motivo aparente. Se houver extensões verifique sempre se existe algum aquecimento na fiação. Caso ocorra alguma dessas situações procure regularizar de imediato suas instalações.

Por isso a área da engenharia elétrica está sempre sendo solicitada , tanto nos casos de fiscalizações e manutenção ou trazendo novas tecnologias na área industrial através de conceitos de projetos mais avançados . As áreas de aplicação são inumeras.

Protegendo as redes elétricas 

Priorize sempre a segurança da inatalação usando dispositivos de proteção.

Não economize na hora de cuidar da manutenção de redes elétricas, sendo assim, invista sempre nos melhores dispositivos de proteção. Os aparelhos mais qualificados detectam eventuais fugas de corrente na instalação e desligam imediatamente o circuito, e isso já é um grande indicativo para problemas, os dispositivos DR (diferencias residuais) são disjuntores que desligam caso haja fugas de corrente e assim protegem as instalações assim como seus usuários. 

A Infraestrutura das Instalações 

Já mencionei também o cuidado com dimensionamento dos cabos e fios. Qual é a bitola correta para cada caso? Para ficar por dentro destas especificações, é necessário respeitar as normas da NBR-5410, o usuário não é obrigado a entender dos procedimentos da eletricidade ou mesmo saber fazer os cálculos corretos, para isso é importante ouvir bem o eletricista e acatar suas recomendações de instalação. A bitola do cabo deve estar de acordo com a corrente a ser consumida para não provocar aquecimento da fiação.

Evite as emendas , utilize sempre tomadas adequadas que não provoquem o aquecimento das conexões .

Escolha do profissional 

Não faça reparos por conta própria, a menos que você seja eletricista! Por mais simples que possa parecer aquele reparo,

A função dos moradores da casa é sempre quanto as medidas preventivas, elas devem estar sempre de olho nas instalações, monitorando a temperatura e ao funcionamento dos aparelhos, desligar todos os eletrodomésticos da tomada quando for passar um longo período ausente, desligar a chave geral e todos os disjuntores quando houver a necessidade de trocar as lâmpadas ou limpar ventiladores de teto e inspecionar chuveiros .

E para complementar mais algumas dicas básicas e práticas:

  • As tomadas e disjuntores devem ficar distantes de pias, torneiras ou de outros locais onde há água. Se isso não for possível, tome cuidado para que os equipamentos não entrem em contato com líquidos.
  • Quando ocorre o desarmamento de disjuntores com frequência, ou queima frequente de fusíveis, é sinal que a instalação elétrica da sua casa está sobrecarregada. Nunca coloque arames ou moedas no lugar de fusíveis
  • Evite deixar cortinas ou tapetes sobre os fios elétricos para evitar um incêndio em caso de curto circuito
  • Tire os aparelhos da tomada toda vez que perceber oscilação na energia elétrica de seu imóvel, e chame um técnico eletricista
  • Choques ao tocar no registro do chuveiro elétrico ou na porta da geladeira são indícios que a rede elétrica  está com problemas. Peça para um profissional verificar se existe falta de aterramento dos equipamentos.

Precisando mais detalhes consulte a norma NR-10 e a NBR-5410, sobre boas práticas e condições de instalações elétricas em vários tipos de ambientes.

 Para concluir então , a área da engenharia elétrica é um setor que sempre estará em evidencia , seja na parte da construção civil , na industria de qualquer segmento , nas áreas de automação , porque não se faz nada sem o uso dela , estaremos sempre dependendo de alguma rede elétrica , para nos interligarmos . Portanto creio que é uma área que ainda tem muito para expandir e oferecer um mercado de trabalho atrativo .

Importante também dizer, que toda essa segurança depende também das centrais de forneciemento de energia , das suas condições de operação, monitoramenbto e controle .Mas isto quero abordar em um outro artigo especificamente . 

Veja que é uma outra area da engenharia elétrica também de grande importancia e responsabilidade operacional .